Casa do Rio: Minha casa e o nosso negócio

Sempre que uma pessoa deseja iniciar o seu empreendimento, um dos primeiros pensamentos é utilizar o que se tem para poder começar e à medida que se cresce, novos investimentos serão feitos.

Assim é a história de um dos pontos gastronômicos e turísticos no centro de Rio Branco. Dependendo do nível das águas do Rio Acre, muita gente vai admirar e produzir ensaios fotográficos aproveitando a beleza do local que se dá nas margens do rio.

Pensando em explorar essa ideia, a vontade de oferecer um cardápio regional e referenciar o local em que cresceu, que Izabel Dantas transformou a sua casa no seu negócio. As mudanças ocorreram para atender toda a clientela, deixar o local com o mesmo aconchego de quem recebe uma visita amiga, oportunizar e possibilitar a comercialização local, foi assim que surgiu a Casa do Rio.

Localizada em um dos bairros mais tradicional da capital acreana, a Casa do Rio além de apresentar um cardápio de da água na boca, traz informações de grandes personalidades acreanas e que viveram ou passaram pelo Bairro da Base como o artista Hélio Melo, jornalista Campos Pereira, Sandro do Sambase, Ted Fogueteiro e uma gama de personalidades da região e sem esquecer do Zezé de Camargo nos antigos festivais de praia da Base, no início da sua carreira.

A proprietária queria algo diferente, algo seu e com o seu jeito de enxergar o local.

“Eu sentia a necessidade de criar algo meu, algo que eu pudesse receber meus amigos e também oferecesse algo da culinária regional com a nossa cara. Eu poderia ter aberto um barzinho ou distribuidora que é mais fácil, mas isso em todo canto tem. Queria algo diferente e não mais do mesmo, foi ai que surgiu a ideia de estabelecer uma sociedade com Franciely Gomes Gonçalves que também é a chefe da cozinha”, disse Izabel.

A parceria deu tão certo que a medida que vão se passando os dias, o empreendimento vem ganhando nos clientes, o local tem se tornado uma grande opção não somente para um lazer no final de tarde após um dia de trabalho, mas também pela oferta no almoço, onde funciona a partir das 12h e fecha a meia noite.

Mas o seu cardápio não tem somente a tradição, também tem a inovação e aquele toque da chefe, que tornou o ceviche, um prato peruano, em um prato novo com o bom acreanes. Vocês querem saber mais sobre o que tem de especial nesse prato? Não vou contar, vocês terão que ir conferir.

Porém posso falar do bombom Casa do Rio, que tem feito um sucesso a partir de um dos alimentos que não falta na culinária acreana, o jambu. Sim, um dos principais ingredientes do tacacá agora em formato de bala. Uma criação e que já está na fase de patenteamento, das empreendedoras Isabel e Franciely

“Muita gente que vem aqui e prova do bombom, acaba se viciando e eu acredito que seja ele que esteja conquistando os clientes que sempre voltam”, festejou Franciele.

Membros da Associação Brasileira de Jornalistas em Turismo (Abrajet) estiveram no local para uma tarde de degustação, onde todos os pratos em destaque no menu e considerados os mais tops como o bolinhos de pirarucu, kibes de arroz e macaxeira, sem falar nas bebidas com frutas são uma delícia, aprovados e recomendados. Já provou uma caipirinha a base de cupuaçu? Uma delícia!

Para você que ainda não conhece a Casa do Rio, ela fica localizada no Bairro da Base, na rua Rui Barbosa Lima, do lado oposto ao calçadão da Gameleira, o que possibilita uma bela vista a qualquer horário do dia. Aberta de quarta a domingo, a partir do meio dia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − catorze =