Polícia Civil participa de lançamento do “Programa Fazendo Justiça” do Conselho Nacional de Justiça em Rio Branco

Na manhã desta terça-feira, 10, a Polícia Civil, por meio do Instituto de Identificação Raimundo Hermínio de Melo (IIRHM) participou do lançamento do Projeto Fazendo Justiça do Conselho Nacional de Justiça para emissão de cédula de identidade a pessoas privadas de liberdade.

O lançamento ocorreu no auditório do Instituto de Administração Penitenciária do Acre (IAPEN).

Com objetivo de garantir a emissão da documentação civil, através da parceria com instituto de identificação e cartórios, contou com mediação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Tribunal de Justiça (TJAC), Tribual Superior Eleitoral (TSE), Instituto de Administração Penitenciária (IAPEN) Coordenadoria Estadual e Consultoria de Audiência de Custódia do Pograma Fazendo Justiça, juntamente com a Chefe de Departamento de Reintegração Social, e a equipe da área de tecnologia da informação do IAPEN.

As tratativas seguiram para criação de mecanismos para levar cidadania as pessoas privadas de liberdade a possibilidade de emissão de cédulas de identidade.

O diretor do Instituto de Identificação, Júnior Cesar, reiterou o compromisso da instituição para emissão do documento as pessoas privadas de liberdade dentro do Programa Fazendo Justiça.